Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content

Alguns fatos curiosos ocorridos em leilões.

Leilão é uma modalidade de negócio muito antiga, portanto tem história pra contar! Alguns fatos curiosos e peculiares ocorrem nesta que é uma atividade séria mas nem por isso monótona. 

Em seus primórdios, por volta de 2000 a.C. o leilão era utilizado para comercializar o resultado da pescaria. O Japão mantém esta tradição,  no Mercado Toyosu, em Tóquio, acontece o maior leilão de atum fresco do mundo. No primeiro leilão de 2020 foi leiloado um atum de 276kg. O gigante peixe teve como valor de arremate 193,2 milhões de ienes, ou 1,8 milhões de dólares.

Do Japão vamos para a Bélgica. A tradição do país foi motivação para este leilão belga e o pombo-correio Bolt tornou-se um bem desejado. Ele foi arrematado por um homem de nacionalidade chinesa. O valor? 310 mil euros.

Yi Minna, chefe de operações do site de leilões PIPA, observa pombos em Knesselare, na Bélgica
(Foto: Geert Vanden Wijngaert/AP)

Em 2005 o famoso letreiro de Hollywood foi arrematado pelo colecionador Dan Bliss por 450 mil dólares.

Talvez o leilão mais peculiar desta lista de curiosidades seja um ocorrido na Austrália: uma cobra píton engoliu bolas de golfe, provavelmente achando que eram ovos. Foi feita uma cirurgia de emergência para salvá-la e as 4 bolas de golfe foram colocadas em leilão no site eBay. O valor alcançado, 1.400 dólares australianos, foram doados ao Santuário de Vida Selvagem Currumbin, em Queensland.

E a obra de arte mais cara negociada em leilão é a pintura Salvator Mundi, de Leonardo da Vinci. A tela foi comprada em 2017 pelo valor de US$ 450 milhões.